Alternativas ao açúcar

É do conhecimento geral que o açúcar é nocivo para a saúde, tanto física como mental. Este anti-nutriente (assim designado por não trazer benefício ao nosso corpo e ainda "roubar" alguns minerais), aumenta os niveis glicémicos no sangue, desacelera o metabolismo e transforma a energia em gordura, quando consumido de forma excessiva.
A ingestão excessiva de açúcar simples ou adicionado a produtos industrializados, está associada ao excesso de peso (e obesidade) e, consequentemente ao risco de doenças cardiovasculares e diabetes tipo 2.
Muitas vezes, as pessoas só "controlam" o açúcar que ingerem de forma simples mas, este apresenta-se em quase todos os alimentos, de forma "mascarada". Tenho um primo que é médico dentista e que costuma dizer que o único alimento que não tem açúcar é o queijo, mas hoje em dia, até do queijo eu desconfio...
Em Portugal e no resto do mundo, houve um aumento no consumo de bebidas açucaradas e redução de consumos de fruta e hortícolas, especialmente nas crianças. O padrão alimentar é cada vez menos saudável.

(imagem retirada da Internet)

Alguns profissionais desta área afirmam que uma pessoa que é dependente do açúcar tem muita dificuldade em retirá-lo da sua alimentação. No entanto, eu acho que o controlo pessoal e a força de vontade (como para deixar de fumar) são os fatores mais importantes.
Há cerca de dois anos, por influência de uma colega de trabalho, eu ingeria açúcar quase todos os dias e, houve uma altura em que se não o ingerisse, sentia a sua falta.
Afastei-me dessa colega e mentalizei-me que a minha vida e os meus hábitos alimentares tinham que mudar. Foi uma questão de mentalização (igual à que tive uns anos antes em relação ao tabaco) - mudei de vida.

Não sou fundamentalista e, claro que tenho e que continuarei a publicar receitas aqui no blog que têm açúcar mas, podem sempre substituir este ingrediente por opções mais saudáveis ou se comerem uma fatia de bolo de mês a mês, certamente não é essa quantidade que vos fará mal (dito por uma leiga e não uma profisisonal).

Existem bastantes alternativas ao açúcar e mais saudáveis, que vos indico aqui.
  • Geleia de arroz: xarope com alto teor de maltose e hidratos de carbono complexos, é absorvido de forma lenta e gradual no sangue e o seu sabor é leve e penetrante.
  • Malte de cevada: semelhante ao malte de arroz; a cevada germinada transforma os amidos do cereal num adoçante complexo que é digerido gradualmente.
  • Geleia de trigo: tem um sabor neutro e agradável, é absorvido de forma lenta e gradual no sangue.
  • Geleia de milho: tem um sabor mais pronunciado, ótimo para sobremesas.
  • Xarope de seiva:  original em qualidade e pureza.
  • Geleia de agave: xarope feito a partir de uma planta mexiacana, é uma ótima opção para quem gosta de doce e não o pode consumir. É rico em antioxidantes, ferro, cálcio e magnésio.
  • Purés de fruta: ideal para substituir o açúcar em bolos, dá um roque doce sem alterar muito o sabor, especialmente o puré de maçã. Nas receitas, pode diminuir um pouco os líquidos (leiete, óleo, ovos) ou aimentar uns minutos o tempo de cozedura. A proporção é igualemente 1 para 1.
  • Amasake: é um adoçante tradicional do Oriente, produzido a partir de diferentes cereais, geralmente arroz integral; tem uma consistência espessa.
  • Mel: é um alimento alcalinizante que adoça naturalmente e é duas vezes mais doce que o açúcar .
  • Tâmaras: excelentes substitutos  do açúcar  em receitas; deicxam uma textura super macia e são usadas em proporções de 1 para 1.
  • Coco: pode sempre usar coco ralada (ou polpa de coco fresco) sem adição de açúcar.
  • Canela: sendo um termogéncio natural, faz acelerar o metabolismo e ajuda a regular os níveis de glicémis no sangue, deixando um sabor adocicado na boca.
  • Stevia: é 300 vezes mais doce que o açúcar e é uma das formas mais fáceis e saudáveis de adoçar as suas receitas. Rico em antioxidantes e com um indíce glicémico zero mas tem que ter atenção na embalagem, para não ter dextrose ou derivados na sua composição.
Fonte: Internet

9 comentários:

  1. obrigada pela partilha! Também não sou fundamentalista mas acho importante saber sobre as coisas para podermos ter alternativas!

    Beijinhos Ana
    http://acasinhadasbolachas.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Eu uso muito a geleia de arroz ou milho eo Golden Syrup, só ainda não consigo beber café sem açúcar.
    Boa semana

    ResponderEliminar
  3. Um post muito interessante,...obrigada pela partilha!
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    strawberrycandymoreira.blogspot.pt
    http://www.facebook.com/omeurefugioculinario

    ResponderEliminar
  4. Embora eu ainda coma (bastante) açúcar, reduzi imenso, no sentido que cereais de pequeno-almoço, bolachas industrializadas, e assim...foi quase eliminado, e faço um esforço para evitar comer (embora às vezes coma) lá está, não estou ainda preparada para deixar esses alimentos totalmente.

    Eu uso bastante a fruta para substituir o açúcar. Banana, maçã, pêra...são alternativas mais baratas e deixam os doces doces (passo a redundância) :)

    Um boa informação Susana!

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  5. EU SUBSTITUI O AçUCA COM A STEVIA.
    ANTES USAVA DULCIFICANTE, MAS A STEVIA è MAIS NATURAL

    BACI

    blog de crochê

    ResponderEliminar
  6. Excelente informação! Beijinhos :)
    http://asreceitassaborosas.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Gosto sempre de saber das alternativas. Cá em casa já reduzimos bastante o consumo de açúcar e sempre que posso uso uma alternativa mais saudável. Café e chá já não consigo colocar açúcar e sinceramente, hoje em dia, já me sinto mal com muitos dos produtos que se compram por achar que têm demasiado açúcar :)
    Beijinhos ...
    Blog: Guloso qb

    ResponderEliminar
  8. Belíssima e útil sugestão.

    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2016/10/na-cozinha-commarta-alves-e-uma-massa.html

    ResponderEliminar
  9. O açúcar é terrível para a saúde, obrigada por este post cheio de boas alternativas! Costumo usar mel, mas todas me parecem bem :)

    ResponderEliminar